sexta-feira, fevereiro 25

GRANDE ENTREVISTA | KarikaChupaKavala (Blá Blá Bar)


KARIKACHUPAKAVALA | A Banda que irá actuar durante o Carnaval no Blá Blá Bar disponibilizou-se para responder às nossas perguntas sem tabus. O Sky Naza volta, assim, às entrevistas apresentando-lhe a história de mais um conjunto musical carnavalesco.

SN: Para quem não sabe, quem são os KarikaChupaKavala?

KarikaChupaKavala: Somos um grupo musical carnavalesco constituído por: Fábio Constantino (Saxofone, Clarinete), Ricardo Menezes (Baixo e voz), Fernando Codinha (Voz), Vitor Codinha (Guitarra) e Rúben Pacheco (Bateria). Um grupo que pretende imprimir uma energia explosiva e diferente ao Carnaval da Nazaré.

SN: Como surgiu a ideia de se criar uma banda para actuar no Carnaval?

KarikaChupaKavala: Este projecto nasce através de um convite feito pelo pessoal do Blá Blá. A ideia era criar uma dinâmica diferente no bar (basicamente virar o bar ao contrário eheheh ), assim, fomos desafiados para tentar galvanizar as gentes que pára ali no “único baile que não paga bilhete”

SN: O vosso grupo surgiu no Blá Blá após a saída da "Banda da Coina" para o Casino. Já actuavam juntos antes de ingressarem neste bar?

KarikaChupaKavala: O nosso primeiro ano de Carnaval no Blá Blá foi em 2009, em 2008 existia a Banda da Tremocêra (Ricardo Menezes, Fábio Constantino, Rúben Pacheco, Carlos Esgaio e Ricardo Vidinha) que actuou no Bar Sunset (um fantástico pontapé de saída para estas andanças). Depois no ano seguinte, com as saídas do Vidinha e do Carlos, o Fernando e o Vitor juntaram-se ao grupo para criar os Karika.

SN: Existe uma mistura de elementos na vossa banda que integram também outros projectos de Carnaval. Querem-nos falar um pouco sobre isso?

KarikaChupaKavala: É verdade, e as pessoas até fazem confusão com tantos nomes (risos). Como costumamos dizer, somos um “melting pot” que engloba membros de vários grupos. Somos Banda Relante, somos La Resistance, somos Sakanagem, somos Má Tempe! Uma família que adora o Carnaval e tenta contribuir para que a festa seja cada vez mais rica!

SN: Acham que o sucesso das vossas actuações provêm também dessa mistura de elementos?

KarikaChupaKavala: Sim. Estes grupos que mencionámos marcam pela sua irreverência e pela sua originalidade. Somos todos do mesmo mas estes grupos são todos distintos, o que traz uma influência positiva tanto na maneira de actuar como no próprio repertório!

SN: KarikaChupaKavala. Quem foi o autor do nome para a banda?

KarikaChupaKavala: Curiosamente foi inventado por um membro da Banda da Coina, esse Sakana do Paulo Oliveira, a quem mandamos um grande abraço!

SN: Que feedback têm recebido por parte dos foliões que vos acompanham no Carnaval?

KarikaChupaKavala: O feedback tem sido muito positivo, especialmente no ano passado onde a aderência foi mesmo fantástica! Somos a banda mais “Hardcore” de Carnaval (risos) e curiosamente não tem havido problemas apesar da agressividade musical. As pessoas entusiasmam-se e realmente puxam por nós, mas sempre sem maldade. Há um código de honra no “Moxe pitt” e toda a gente respeita! (risos). É claro que fisicamente é mais esgotante, mas a adrenalina em palco supera tudo!

SN: Gostariam, futuramente, actuar numa sala de baile? Ou a vossa forma de tocar adequa-se mais aos bares?

KarikaChupaKavala: Tocar numa sala de baile seria uma honra, mas pensamos que o nosso tempo ainda não chegou. É importante não dar passos maior que a perna. Evidentemente que se surgisse uma proposta seria extremamente tentador, mas por agora estamos bem aconchegados no Blá Blá!

SN: Quais as maiores dificuldades que uma banda enfrenta nas longas noites de Carnaval?

KarikaChupaKavala: A dura batalha contra o cansaço e rouquidão (risos). Por vezes não é fácil gerir aquilo que é trabalho e diversão. Tocar 4 a 5 noites seguidas pode ser bastante duro e os corpos não descansam como deve ser porque também nós nos queremos divertir. Fora as questões físicas, tudo o resto faz-se com grande gosto, sabendo sempre que não podemos agradar a toda a gente, infelizmente, mas damos sempre o nosso melhor!

SN: A energia que transmitem ao público presente no Blá Blá é uma das vossas imagens de marca. Para além disso, com o que podem contar os foliões nazarenos este ano?

KarikaChupaKavala: Podem contar com muito “Roots in Carnaval in Nazaré”!!! Que tragam energia para fazermos deste Carnaval o melhor de sempre! E prometemos muito: “Tau! Tau! Tau! Tau! Tau! Tau! Tau!”

SN: Uma mensagem para os leitores Sky Naza.

KarikaChupaKavala: Que façam deste Carnaval uma diversão, é preciso que as pessoas relaxem e “curtam” estes dias! As preocupações ficam para depois do dia 9 de Março! Apareçam no Blá para se juntarem à onda de energia positiva!!

SN: Em nome da equipa Sky Naza, agradeço a vossa disponibilidade e desejo-vos um óptimo Carnaval!

KarikaChupaKavala: Obrigado a todos, especialmente ao Paulinho! Aquele abraço!
Comentários
1 Comentários

1 COMENTÁRIO

Paulo Copa disse...

Obrigado e 1 abraço também pra vocês... No Carnaval lá estarei convosco :)

Enviar um comentário

 

Sky Naza | Para os amantes da Nazaré.